AFOGADO fragmentos nos olhos

“a ciência descobriu asgeografias do mundo,menos a cura para solidão.” sempre sofri,por mais que o mar esteja transbordandoem mimsempre haverá um vazio:como um carma,uma praga,uma chaga infinita no absurdo. nas minhas visões fragmentadasdesconheço as geografias dos homens e das mulheres quetranspassam por mimnesses tormentos,nesses conflitos com um eu que também desconheço,sigo adiante,mesmo sem saber se […]